por
 em Joinville

O Sinsej comunica que a empresa BrasilCard, que opera as transações com desconto em folha de pagamento dos servidores de Joinville, reinstituiu o sistema de parcelamentos. A partir do dia 16 de junho será possível dividir o valor de compras em até seis vezes.

Sorteio

Também foi realizado o sorteio de 10 vale-compras, no valor de R$ 100 reais. Os servidores sorteados podem retirar o prêmio no sindicato. São eles:

1 – Helena Maria Correa
2 – Adalgisa Pereira da Luz
3 – Irene Batista dos Santos
4 – David Robison de Holanda
5 – Catherine Anannias
6 – Lucinei Nascimento
7 – Cleusa Forbici
8 – Cleide Retzlaff
9 – Marcio do Nascimento
10 – Tania Rubia Passos

Exibindo 6 comentários
  • Jonatas
    Responder

    Fazem 6 meses que solicitei esse cartão e ainda não recebi.
    Cansei de ficar ligando implorando para que me enviem…
    Favor cancelar minha margem reservada ao Sinsej.

  • Isabel. Cristina Trautmann
    Responder

    Mas ainda não entendi sobre este parcelamento

    No sistema antigo por exemplo eu poderia ter valor por paecela de mais ou menos 300 reais.

    Fui utilizar o cartão. E minha parcela só pode ser de 55 reais sendo que eu tinha limite.
    Achei um tiro no pé este novo sistema.

    • Sinsej
      Responder

      Olá, Isabel
      Talvez tenha havido alguma confusão, ou você tentou usar o cartão antes das mudanças que aconteceram. Faça novamente a consulta e procure a Brasil Card no caso de problemas. Antes a margem era dividida em parcelas, mas a pedido dos servidores e do Sinsej, a empresa mudou a regra. A margem corresponde ao valor da parcela.
      Atenciosamente

  • Caroline Borba
    Responder

    Então o limite do mês passa a ser a parcela da compra? Exemplo: com R$200,00 (duzentos reais)de limite, posso comprar até R$1.200,00 = 200 x 6= R$1.200,00?
    Estamos SENDO PREJUDICADOS com o Cartão, pois o limite mensal é pouco para parcelar. Assim, perdemos o PODER DE COMPRA. Se VOLTAR A SER COMO ERA com o SINSEJ, ÓTIMOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!! AGUARDAMOS RETORNO. A funcionária do Sinsej não soube informar se isto é verdade ou foi só enganação.

  • Indiajara Marques
    Responder

    Não achei apropriado esse cartão,pois temos que pagar sempre que usamos uma taxa mensal, além de pagar mensalidade do sindicato e os lugares que éramos conveniados muitos não aceitam mais. E nem fomos consultados se aceitávamos ou não, nem por enquete.Então se parcelarmos em 6 x pagaremos os 6 meses o valor do cartão e mais a mensalidade do sindicato? Dai pergunto isso é justo? Qual é o real objetivo de pagarmos tudo isso? A mensalidade do sindicato eu concordo, mas não posso usar meu benefício que é a margem que tenho no sindicato porque se fizer vou ter que pagar o valor do cartão que nem pedi.

    • Sinsej
      Responder

      Idianara,
      Sim, cada mês que tem parcela, é cobrada a taxa. Mas você tem a opção de não usar o cartão, embora muitos encontrem vantagem no mesmo. Recorremos à Brasil Card, porque nosso quadro de funcionários teve que ser reduzido em decorrência do fim do imposto sindical. Com menos funcionários, não conseguiríamos atender os servidores em suas necessidades trabalhistas, e dar conta de administrar os convênios. A empresa hoje faz o trabalho que outros funcionários nosso faziam. Mas chamo sua atenção para a verdadeira função do sindicato, que é organizar os servidores para que se garantam seus direitos e condições de trabalho e salário dignos. A Brasil Card atende os usuários caso tenham alguma dificuldade no uso do cartão, e a diretoria do Sinsej se coloca à disposição caso tenha alguma dúvida ou problema que possamos ajudá-la a resolver.
      Atenciosamente

Deixe um comentário