por
 em Joinville

Paralisação-15-6

Os servidores de Joinville voltam a paralisar nesta sexta-feira (15/6), às 9 horas, em frente à Prefeitura. Nesse dia, os trabalhadores avaliam em assembleia a possibilidade de entrar em greve por tempo indeterminado.

Após várias rodadas de negociação com o sindicato, a proposta final apresentada por Udo Döhler é inaceitável. A única forma de a categoria fazer o governo reconhecer seu valor é cruzando os braços. Os servidores não serão mais amedrontados pelo assédio moral que se institucionalizou na Prefeitura.

RELEMBRE A PROPOSTA DA PREFEITURA

  • Reajuste salarial de apenas 1,69%, a ser pago somente sobre a folha de agosto (a data-base é maio).
  • Reajuste do vale-alimentação de apenas R$ 13,25.
  • Gratificação de interiorização aos Agentes Comunitários de Saúde (que varia entre R$ 83 a R$ 147).
  • Alteração na tabela salarial do magistério, de forma a contemplar a possibilidade de doutorado e ampliando em um quinquênio.

Essa proposta ignora dezenas de pontos da Pauta de Reivindicações da categoria, entre elas questões importantes, como a retomada do direito de licença-prêmio, venda de um terço de férias e regulamentação da lotação e transferência dos servidores.

ATENÇÃO, MAGISTÉRIO!

Em 2014, a Prefeitura comprometeu-se em implementar um terço de hora-atividade de forma escalonada até 2019. Às vésperas de esse prazo expirar, a Prefeitura apresenta uma proposta que é um duro golpe nos professores, com dois grandes problemas:

  • Desconta o tempo do recreio (30 minutos por dia).
  • Computa a diferença entre hora-aula (48 minutos) e hora-relógio (60 minutos) para completar as horas-atividade devidas.

Não podemos aceitar essa manobra. Na tarde de sexta-feira, dia da paralisação, haverá uma formação sobre Piso Nacional do Magistério e hora-atividade no sindicato.

PROGRAMAÇÃO DO DIA DA PARALISAÇÃO

9 horas: assembleia em frente à Prefeitura

12 horas: almoço no Sinsej (será servido cachorro-quente)

14 horas: formação sobre o Piso Nacional do Magistério e hora-atividade no auditório do Sinsej

Obs.: Caso chova, a assembleia será realizada no Clube Ginástico (Rua dos Ginásticos, 96, Centro)

REUNIÃO DO CONSELHO DE REPRESENTANTES

Os representantes de local de trabalho de Joinville estão convocados a participar de uma reunião no dia 13 de junho, às 14 horas, no Sinsej. Para este dia, será utilizado o direito de liberação.

Se a sua unidade ainda não tem um representante, é importante que a eleição ocorra o quanto antes. Para isso, basta reunir a equipe, conversar e votar em um colega. É preciso preencher a ata disponível aqui e entregá-la a um diretor do Sinsej no dia da reunião.

Exibindo 2 comentários
  • Santa Fraga da silveira
    Responder

    BOA NOITE.
    PARALIZAÇÃO APOIADA,FALEI ISTO NUM OUTFI COMENTÁRIO, FUI CONTRATADA POR 2 ANOS PARA AtUAR COMO AUXILIAR DE EDUCADOR/INCLUSÃO, neste período me negaram fale transporte?fui trabalhar de bicicleta, sofri um acidente ,quase fui p o auxílio.Mesmo assim por falta de auxiliar dei atenção para mais CRIANÇAS e fiquei lesada da coluna,ESTOU no auxílio já quase 2 anos e nunca mais IREI poder trab co. INCLUSÃO ou em sala pois tranquei o curso em PEDAGOGIA no sexto período por passar mal, falta de visão, dor de cabeça e fortes tonturas. Agora tirem as conclusões.

  • Solange de Oliveira
    Responder

    Boa tarde!
    Espero que não cancelem na última hora como a anterior.
    Com chuva ou sem chuva estaremos lá.

Deixe um comentário