por
 em Regional
Sinsej declara apoio à greve dos servidores do município de Biguaçu | Foto: Divulgação Sintramubi

Sinsej declara apoio à greve dos servidores do município de Biguaçu | Foto: Divulgação Sintramubi

Os servidores municipais de Biguaçu entraram em greve na segunda-feira (13/8) contra a falta de negociação e a truculência da administração municipal. A categoria está em campanha salarial e ainda não teve itens básicos, como o reajuste da inflação, aplicado pelo governo. Além de não iniciar as negociações, o prefeito Ramon Wollinger (PSD) voltou atrás e retirou os avanços concedidos anteriormente pela sua equipe de governo.

Outra ação extremada da gestão diante do movimento grevista foi usar a lei para reprimir os servidores concentrados em uma praça da cidade, proibindo eles de continuarem no local.

Hoje (15/8) pela manhã, os trabalhadores realizaram uma assembleia massiva, em local fechado, e deliberaram pela continuação da greve – que só deve encerrar com uma proposta positiva do Executivo.

O Sinsej declara total apoio aos servidores de Biguaçu e se coloca a disposição dessa categoria que está em luta pela conquista e manutenção dos seus direitos.

Deixe um comentário