por
 em Geral, Regional

2018-11-26_Arte Facebook - Paralisação
Todos os servidores estão convocados a paralisar suas atividades nessa quinta-feira (29/11) contra os cortes do vale-alimentação. A concentração será em frente à Prefeitura, a partir das 9 horas. Caso o governo não volte atrás na sua decisão, neste mesmo dia poderá ser deflagrada a greve da categoria.

ENTENDA

A decisão foi tomada em assembleia no dia 21 de novembro, diante do anúncio do governo de que, a partir de janeiro de 2019, serão efetuados cortes no vale-alimentação em caso de gozo de qualquer licença legal, por exemplo, por doença ou maternidade. Na oportunidade, foi deflagrado o estado de greve.

Devido à mobilização da categoria, foi possível reverter os descontos que vários servidores já tiveram no último depósito do benefício. Contudo, em contato com o presidente do Sinsej, o prefeito informou que a medida voltará a ser aplicada a partir de janeiro de 2019. A informação foi confirmada em comunicado da SGP enviado a todos os locais de trabalho.

MOBILIZAÇÃO

Esse é mais um ataque preparado pelo prefeito Udo Döhler, que em 2015 aplicou uma série de cortes como o da licença-prêmio e o abono natalino, junto ao corte no vale-alimentação. Porém, assembleias massivas impediram que o vale fosse retirado.

Agora é a hora, mais uma vez, da categoria se preparar para enfrentar o governo e manter esse direito. Participe!

Exibindo 2 comentários
  • Rosi Struck Pietezak
    Responder

    Das 3 escolas que trabalho apenas 1 tem conhecimento da paralisação de 5 feira. Estou entrando em contato com todos amanhã.
    Façam o mesmo tem provavelmente mais áreas da prefeitura que precisam ser alertados.

  • Maria Da Gloria MIRA
    Responder

    Boa tarde!Se jlle está neste empasse. Sendo uma cidade industrial que gera tanto imposto. Imagine as outras. Ou e retalhacao ao servidor.? Vamos cobrar os nossos direitos. 🤗

Deixe um comentário